Premium Silva Ribeiro: "Conseguimos estancar a saída de militares das Forças Armadas"

Nesta entrevista que marca o 70.º aniversário da criação do cargo de CEMGFA, o almirante Silva Ribeiro admite que foi difícil "resgatar" o prestígio das Forças Armadas do caso de Tancos. E avisa que a espionagem de potências estrangeiras está a aumentar

António Silva Ribeiro, oficial-general da Marinha, é, desde 2018, chefe de Estado-Maior-General das Forças Armadas. Tem 63 anos, é doutorado em Ciência Política e professor catedrático convidado no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, onde leciona Relações Internacionais e Estudos Estratégicos.

A entrar nos últimos meses do seu mandato, que termina em março do próximo ano, faz uma avaliação objetiva das dificuldades das Forças Armadas, mas também da forma de as superar.

Ler mais

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG