Atualidade

Opinião

Mais atualidade

Anita Tršić

Croácia celebra o Dia de Ação de Graças 
da Vitória e da Pátria e o Dia dos Defensores

Há muitas razões pelas quais a operação militar e policial Tempestade ocupa um lugar especial na história recente da Croácia, não só por ser uma operação militar bem-sucedida que cumpriu as condições-chave prévias para a unificação do território croata, mas também por ser a operação militar que mudou a relação de poderes e infligiu o golpe decisivo às políticas de guerra e ocupação do regime de Slobodan Miloševic. Ao mesmo tempo, nem um mês após o genocídio em Srebrenica, a Tempestade contribuiu para a criação das condições estratégicas para pôr fim à guerra na Bósnia e Herzegovina. Rejeitamos as acusações lançadas nesta tribuna ontem pelo major-general na reserva o Dr. Carlos Branco, que sem compreensão profunda condenou a nossa celebração desta importante operação militar e policial e o seu significado para a Croácia.

Anita Tršić

Damasceno Dias

A ternura dos "60"

À medida que o mercado de trabalho se estreita e a contenção obriga a racionalizar cada vez mais os recursos humanos, para além do flagelo do desemprego que tal acarreta, começa a emergir no nosso tecido organizacional uma outra realidade; o que fazer com as pessoas com mais de 60 anos - o(a)s tais, que estão conotado(a)s com o mito de que não gostam de trabalhar à mediada que a idade da reforma se aproxima e que são muito caros para a energia que as organizações nos tempos modernos precisam? Enfim, estereótipos baseados em idade que estão cada vez mais impregnados na nossa sociedade.

Damasceno Dias

Evasões

Notícias Magazine

V Digital

As ciclovias "produzem" mais utilizadores de bicicleta?

As ciclovias "produzem" mais utilizadores de bicicleta?

Nos últimos tempos, a construção de ciclovias na capital acentuou-se com o objetivo de cumprir a promessa eleitoral do presidente da Câmara, Fernando Medina, de ter "pelo menos 200 quilómetros" de vias cicláveis até ao fim de 2021. Apesar das muitas vozes críticas contra faixas "de utilização reduzida", os especialistas consideram que só se promove a utilização deste meio de transporte se, antes, se construírem as infraestruturas necessárias.