Atualidade

Opinião

Maria da Graça Carvalho

Quando a UE e os EUA viram costas, o mundo fica para trás

Em cima do acontecimento, é sempre complexo fazer balanços de eventos como a cimeira UE-EUA, realizada nesta terça-feira em Bruxelas. No entanto, no caso concreto, julgo que a palavra "sucesso" já pode ser usada sem cerimónias, porque esse sucesso estava garantido a partir do momento em que as partes se sentaram à mesa para discutir temas como o comércio, a tecnologia, o clima, a luta contra a covid-19 e o posicionamento comum face à China e à Rússia.

Maria da Graça Carvalho

Mais atualidade

Evasões

Notícias Magazine