Legislativas 2022

Atualidade

Opinião

Rogério Casanova

Uma agulha num palheiro de Jordi Cruyffs

Na manhã do Dia das Mentiras em 2015, um cadáver foi encontrado numa mansão em Hollywood. Estava despido da cintura para baixo, e jazia num charco do seu próprio sangue. A causa de morte foi úlcera intestinal, agravada pelo uso prolongado de metanfetaminas. Ao seu redor, havia equipamento de filmagem, dispositivos animatrónicos, uma sala de montagem, e a versão embrionária de um filme de terror com o título provisório The Storyteller. O nome do falecido era Andrew Getty.

Rogério Casanova

Daniel Deusdado

SNS acabou com centro: a esquerda vai ganhar

Depois do debate, se tivesse de escolher entre PS e PSD, o ponto decisivo seria este: prefiro o SNS de António Costa aos seguros de saúde de Rui Rio. O simples facto de existir o SNS para uma situação complexa é um bem inalienável. A alternativa de Rio, ao querer mudar o "tendencialmente gratuito" do SNS, geraria isto: quase todos que pagamos impostos teríamos de acumular um seguro privado para a hipótese de uma doença grave, porque a fatura também passaria a surgir vinda de um hospital público. E ninguém controla quanto vai pagar à entrada de um hospital. Uma bomba sobre a classe média.

Daniel Deusdado

Sebastião Bugalho

O tímido e o tacticista

1. À primeira vista, o cognome mais associado a António Costa ao longo dos seus seis anos de governação é "o habilidoso". Outros, mais admiradores do que observadores, chamaram-lhe "príncipe da política". E outros ainda, mais analistas do que participantes, deram-no como "um negociador nato". Pois bem. Não pretendo aqui proferir quaisquer juízos de valor acerca do primeiro-ministro. À medida que nos aproximamos do dia da ida às urnas, uma possibilidade vem-se assumindo como suspeita, mais uma pulga atrás da orelha do que uma pedra no sapato, que me acompanha debate a debate, dia a dia, sondagem a sondagem: e se os portugueses quiserem trocar um mau governo com um bom primeiro-ministro por um bom governo com um mau primeiro-ministro?

Sebastião Bugalho

Mais atualidade

Mais Opinião

Manuel Galvão de Melo e Mota

O centenário da I Travessia Aérea do Atlântico Sul: um Estado distraído

Em 2017, o Presidente da República, numa cerimónia em Belém de celebração da aviação naval portuguesa, anunciava que em 2022 Portugal e o Brasil iriam celebrar o centenário da primeira travessia aérea do Atlântico Sul. A cerimónia decorreu em frente ao monumento inaugurado em 1991, e cuja réplica do "Santa Cruz" (neste momento a única aeronave deste tipo no mundo), simbolizava aquele que foi porventura o mais significativo feito dos portugueses do século XX, de acordo com a opinião de Miguel Mota, então presidente da Assembleia Geral do Aero Club de Portugal e um dos promotores do monumento, e que escreveu ao longo de várias décadas sobre esta questão. Uma das críticas que fez em 1998, e pleno de razão, foi a total ausência do tema na Expo 98, dedicada ao tema "Oceanos".

Manuel Galvão de Melo e Mota

Victor Ferrão

Divergir, dividir e conquistar

As eleições legislativas em 5 estados da Índia incluindo Goa aproximam-se rapidamente e as vozes que culpam o passado e prometem um futuro dourado tornam-se mais vocais. Estamos destinados a ver um aumento nestas vozes que prometem tudo para atrair os eleitores que os levarão ao poder. Com novos atores a tentar a sua sorte no espaço político de Goa, é provável que vejamos tempestades que alguns podem gostar de observar, mas o verdadeiro desafio é cada um de nós mantermos o foco sem nos distrairmos do nosso papel de cidadãos esclarecidos. Com a chegada da era Modi no nosso país, estamos claramente a enfrentar a incorporação da política colocando a nossa democracia em crise. Os nossos votos, nossos representantes democráticos, nossas instituições democráticas e constitucionais, etc., tornaram-se agora matéria-prima para a elite económica poder acumular a sua riqueza. O silêncio do nosso parlamento e a aprovação de leis sem debate, a supressão dos direitos das minorias, a baixa consideração pelo direito, o aumento na quota de riqueza da elite económica, o declínio da ética mediática, o uso e abuso do hinduísmo como recurso político para ganhar dividendos, indicam que estamos presenciando um declínio da democracia liberal e estamos a ver o ressurgimento daquilo que pode ser chamado democracia autoritária.

Victor Ferrão

Alexandre Moniz Barbosa

Políticos indianos e partidos

Goa vai eleger um novo governo no dia 14 de Fevereiro de 2022, e surge uma pergunta que talvez precisa de ser feita: faz sentido que as eleições sejam realizadas em linhas partidárias ? Embora isso possa soar um pouco radical, já que a democracia da Índia é baseada na política partidária, o que ocorreu nos últimos cinco anos e sobretudo nas últimas semanas e dias justifica fazer essa pergunta. O mandato atual da Assembleia Legislativa foi muito diferente de qualquer outro no passado. Goa passou por uma década de instabilidade quando os governos foram derrubados por MALs (Membros da Assembleia Legislativa) que desertaram, mas o presente termo foi um de estabilidade devido à mudança de governo que ocorreu após à morte do antigo ministro-chefe. Porém, devido a uma série de MALs que mudaram de partido ao longo dos últimos cinco anos, é que surge um ponto de interrogação sobre a ideologia e a lealdade partidária.

Alexandre Moniz Barbosa

João Lopes

A lição de Lucille Ball

Lucille Ball - americana, nascida em 1911, em Jamestown, Nova Iorque; falecida em 1989, em Los Angeles. Eis um nome que há muito deixou de fazer parte da atualidade do imaginário cinematográfico. Desde logo, por uma evidente questão de identidade artística: ainda que com uma considerável carreira cinematográfica, ela foi, sobretudo, um fenómeno televisivo, através da série I Love Lucy (1951-57). Depois. porque o atual marketing do cinema perverteu as leis do "star system", promovendo, não atores humanos, mas "personagens" mais ou menos digitais, quase sempre ligadas às aventuras de super-heróis.

João Lopes

Desporto

  • Classificações
  • A Jornada
  • Resultados

Evasões

Notícias Magazine