JSD propõe limitar a três mandatos todos os cargos políticos

Com elogios a Rui Rio pela coragem de apostar numa nova geração, a líder da JSD anunciou as prioridades dos jovens laranja. Limitar os mandatos dos cargos políticos, criar alojamento para os jovens e investir na rede elétrica de carregamento de automóveis.

No encerramento da Universidade de Verão do PSD, Margarida Balseiro Lopes dedicou algumas palavras de elogio ao líder do PSD pela coragem em apostar nas novas gerações, em particular nas listas de candidatos às eleições legislativas. Mas a presidente da JSD passou rapidamente aos desafios para a próxima legislatura. E há um que promete ser cumprido em 100 dias, um projeto de lei para limitar a três os mandatos de todos os cargos político.

Margarida Balseiro Lopes segue assim uma promessa eleitoral que também está espelhada no programa eleitoral de Rui Rio. "As sucessivas eleições têm demonstrado que há um divórcio claro entre eleitos e eleitores. Uma das principais reivindicações que as pessoas fazem é a de esperar e desesperar pela renovação dos partidos políticos", afirmou a líder da jota, que é cabeça de lista do PSD por Leiria.

Ainda na senda da renovação da democracia, e porque "vivemos há demasiados anos sufocados pelas consequências de más opções políticas que hipotecaram a vida daqueles que ainda nem nasceram", Margarida Balseiro Lopes defendeu a criação de um Regime Jurídico de Avaliação de Impacto Geracional de Atos Normativos, obrigando a que, aquando da criação de nova legislação seja acautelado o equilíbrio entre gerações.

"Se já houvesse esta obrigação de salvaguardar o impacto para as próximas gerações, provavelmente não teríamos assistido à construção desenfreada de estádios de futebol que são mais uma hipoteca para nós e para aqueles que ainda não nasceram", disse.

Uma das grandes preocupações das novas gerações é precisamente o alojamento. Neste ponto, a líder da JSD voltou às medidas que tem vindo a defender, a contratualização para que sejam disponibilizadas camas no imediato aos estudantes do Ensino Superior este ano letivo e o reforço real da dotação do programa Porta 65 - Arrendamento Jovem.

E por fim, uma proposta que considera da maior importância de proteção do ambiente. Margarida Balseiro Lopes defendeu o reforço e investimento imediato na Rede Pública de Carregamento de automóveis elétricos."Há 10 anos, não havia praticamente carros elétricos mas o Governo do PS avançou com uma rede de postos de carregamento de carros elétricos. Hoje temos cada vez mais carros elétricos, só nos primeiros 7 meses do ano foram quase 5 mil os novos carros elétricos a entrarem no mercado mas não temos uma rede robusta para carregamento destas viaturas."

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG