Portugal com mais 849 casos e cinco mortes. Internamentos estão a subir

Boletim da DGS deste sábado dá conta de 849 novas infeções por covid-19, aumentando para 68 025 o número total desde o início da pandemia. Ao todo estão internadas 497 pessoas (mais 32) e há 67 doentes em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI), mais sete do que na sexta-feira.

Em Portugal, nas últimas 24 horas, morreram mais 5 pessoas e foram confirmados mais 849 casos de covid-19. Segundo o boletim epidemiológico da DGS deste sábado (19 de setembro), no total, desde que a pandemia começou, registaram-se 68 025 infetados e 1 899 vítimas mortais no país.

O número de recuperados é de 45 404 (mais 351 desde ontem).

Há, neste momento, 20 722 doentes ativos a ser acompanhados pelas autoridades de saúde, mais 493 do que ontem.

Quanto aos internamentos, são no total 497 (mais 32 do que na sexta). Há 67 doentes em UCI (mais sete).

A região de Lisboa e Vale do Tejo continua a ser a mais afetada pela pandemia, tendo registado um aumento de 439 casos (num total de 34 825). No entanto, das cinco mortes registadas nas últimas 24 horas, apenas um aconteceu nesta região: as restantes 4 foram registadas no Norte.

Na sexta-feira tinham sido registadas 780 novos casos e na quinta 770 - foram os números mais elevados dos últimos cinco meses. É preciso recuar até 10 de abril para encontrar um dia em que tenham sido notificadas mais infeções. Na altura, foram 1516.

O número de mortos também tem registado um ligeiro aumento. Na quinta-feira morreram 10 pessoas e na sexta morreram 6.

Há uma semana, o número de doentes internados era de 439 e havia apenas 59 internados nos Cuidados Intensivos.

De acordo com o balanço da agência France Press, até às 11:00 TMG (12:00 em Lisboa) deste sábado, morreram pelo menos 953 025 pessoas com covid-19 e 30 556 040 foram infetadas em 196 países e territórios desde o início da epidemia. Pelo menos 20 629 000 pessoas já foram consideradas curadas pelas autoridades de saúde.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG