Já são mais de 100 mil mortos por coronavírus em todo o mundo

Os aponta param 100 849 vítimas mortais em todo o mundo até às 18.30 horas desta sexta-feira. 70% dos óbitos foram registados na Europa.

100 661 mortos. É este o balanço divulgado esta sexta-feira pela Agência France Press (AFP), 101 dias depois que as autoridades de saúde chinesas alertaram a Organização Mundial de Saúde sobre o novo coronavírus em Wuhan.

Estes números são referentes aos dados disponíveis às 18.30 horas, que marcam a ultrapassagem da barreira das 100 mil vítimas mortais por causa do covid-19. Do total de óbitos, 70 245 foram registados na Europa, o que representa 70%.

Itália é o país com mais vítimas mortais contabilizadas (18 849), seguindo-se os Estados Unidos (17 925), Espanha (15 970) e França (13 197).

Segundo a AFP, foram confirmados 1 650 651 casos de infeção em todo o mundo, com a maioria a registar-se na Europa (857 233 casos) e nos Estados Unidos, com mais de 475 mil pessoas infetadas.

A AFP alerta que o número de casos diagnosticados reflete apenas uma fração do número real de infeções, já que um grande número de países está agora a testar apenas os casos que requerem atendimento hospitalar.

Em Portugal, segundo o balanço feito esta sexta-feira pela Direção-Geral da Saúde, registaram-se 435 mortos, mais 29 do que na véspera (mais 6,4%), e 15 472 casos de infeções confirmadas, o que representa um aumento de 1516 em relação a quarta-feira (mais 10,9%).

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG