Bruno Fernandes quer "vencer tudo" com o United e antecipa parceria com Pogba

Contratado ao Sporting em janeiro, o jogador português estava a deslumbrar nos relvados ingleses até a competição ter sido suspensa.

Bruno Fernandes quer "vencer tudo" ao serviço do Manchester United na próxima temporada e está "entusiasmado" com a possibilidade de partilhar o meio-campo com o francês Paul Pogba. "Eu quero alcançar os quatro objetivos na próxima temporada: Liga dos Campeões, Premier League, Taça da Liga e Taça de Inglaterra. Eu quero vencer tudo. Vim para o Manchester United para ganhar títulos", afirmou o médio luso, que respondeu a perguntas de adeptos dos red devils através do site oficial do clube.

Bruno Fernandes, por quem o United pagou 55 milhões de euros ao Sporting, em janeiro, enalteceu o "potencial da equipa" e a qualidade dos "jovens jogadores" que compõem o plantel, mas também o papel dos mais experientes, que "podem ajudar os mais jovens".

"Esta mescla é muito importante. Na próxima temporada, espero ter uma grande equipa. Aliás, já temos. Os reforços que vierem têm de vir com sede de triunfar. O [Juan] Mata, por exemplo, já ganhou quase tudo como jogador e sinto que ele quer sempre mais. Quando sentimos isto em jogadores como o Mata, que ganhou Mundial, Europeu, Liga dos Campeões, isso incentiva-nos a querermos mais também", salientou.

Até à paragem da Liga inglesa, no mês passado, devido à pandemia de covid-19, Bruno Fernandes tinha participado em nove jogos e anotado três golos pelo United, mas não teve a oportunidade de jogar lado a lado com o francês Paul Pogba, que ainda estava a recuperar de lesão quando as provas foram suspensas a 13 de março.

Por isso, o internacional luso, de 25 anos, mostrou-se "entusiasmado" com o regresso do colega e com uma provável parceria no meio-campo da formação comandada por Ole Gunnar Solskjaer, que ocupa o quinto lugar da Premier League. "Estou muito entusiasmado. Ele tem muitas qualidades. Conheço-o muito bem, porque joguei contra ele em Itália, quando ele estava na Juventus. Ele tem força e técnica. É difícil encontrar um jogador como ele. Tem muita qualidade. Espero que regresse em breve, porque tem muito para dar à equipa", observou.

Por outro lado, quando instado a eleger uma de duas lendas do Manchester United, Roy Keane e Paul Scholes, para jogar consigo, foi categórico: "Se pudesse ter os dois, melhor. Preciso de ter alguém atrás de mim para varrer tudo e recuperar bolas, como fazia o Roy Keane. Depois, ter ao meu lado o Scholes, seria bom. Se pudesse ter os dois, seria ótimo. O Roy Keane atrás, e eu e o Scholes lado a lado."

Perante a crise mundial de saúde pública provocada pelo novo coronavírus, Bruno Fernandes deixou uma mensagem aos adeptos, pedindo-lhes para que "fiquem em casa e protejam-se". "Temos de lutar todos juntos contra este vírus. Infelizmente, agora não podemos jogar, mas, se todos remarmos para o mesmo lado, em breve voltaremos a jogar e a sentir o vosso apoio", concluiu o internacional português.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG