Rodrigo Pratas e Áurea elogiam investimento em bitcoins? É uma burla no Facebook

Num anúncio publicado na rede social, o jornalista da SIC e a cantora surgem num texto a elogiar a compra de criptomoedas. É tudo inventado.

As imagens do jornalista da SIC Rodrigo Pratas e da cantora Àurea estão a ser utilizadas na promoção de investimentos na compra de bitcoins na rede social Facebook com a indicação de conteúdo patrocinado e que alegadamente é uma burla.

Esta "notícia", cujo link remete para um site cujo texto se refere ao percurso profissional de Áurea, tem como título: "O último investimento de Áurea deixa especialistas admirados e grandes bancos apavorados."

No texto que o acompanha pode ler-se que o "apresentador português Ricardo Prata [e não Rodrigo Pratas, aliás o nome surge errado em outros momentos do texto]" convidou para a Edição da Noite - na SIC Noticias - a cantora para esta "partilhar dicas de como criar riqueza". Chega-se mesmo ao ponto de garantir que o Banco de Portugal "pediu a proibição da transmissão da entrevista de Áurea".

Na realidade este conteúdo patrocinado que o Facebook está a divulgar não é mais do que a tentativa de cativar as pessoas a aderirem a um programa de investimento em bitcoins (moeda virtual). Questionado pelo DN, um porta-voz da empresa adiantou: "Levamos [no Facebook] a questão dos anúncios que violam as nossas políticas e apresentam figuras públicas com extrema seriedade. É importante para nós que os anúncios sejam úteis para as pessoas e não usados para promover comportamentos errados."

"Embora tenhamos instalados sistemas para anular anúncios que violam as nossas políticas, continuamos a aumentar os nossos esforços e investimentos para resolver esse problema", acrescenta a empresa, que deixa o apelo para que as pessoas denunciem "esse tipo de comportamento se o virem tocando nos três pontos no canto superior direito do anúncio."

Os autores do site dizem que como o tempo de antena tinha terminado antes de o jornalista e a cantora explicarem como se devia aproveitar essa oportunidade tinham conseguido uma entrevista a Rodrigo Pratas, o que nunca aconteceu, apesar de haver citações da alegada conversa.

O texto é acompanhado por imagens dos dois principais intervenientes - tal como surge uma foto de Bill Gates e de Richard Branson alegadamente na feira de tecnologia CES 2019 a falar sobre a Bitcoin Trader. Isto além de exemplos de pessoas que investiram na plataforma e terão ganho muito dinheiro.

Esta não é a primeira vez que Rodrigo Pratas é envolvido num anúncio deste tipo. A primeira vez foi em abril o que o levou a divulgar, no final de maio, um alerta para o uso abusivo da sua imagem, texto que foi replicado pelo sitePolígrafo.

Ao DN, o jornalista da SIC disse esta terça-feira que na altura não apresentou queixa e que nos últimos dias voltou a receber alertas para este ressurgimento do seu nome associado a esta burla.

No texto publicado em maio começa por diz que "no início de abril, fui alertado por um espectador através do meu facebook profissional para esta aldrabice. Também fui avisado através do twitter e do instagram. Na altura, pensei que bastaria fazer um alerta a quem navega na internet. Avisei que era conto do vigário, aldrabice moderna, sem qualquer ligação a mim. Mas, passado quase mês e meio, não se confirmou o que eu esperava - que pouco tempo depois o site desapareceria e a apropriação da minha imagem e nome profissional e atribuição de palavras teria pouco ou nenhum impacto".

No caso a que se refere o artigo usa o logotipo da televisão pública australiana ABC News e depois dos alertas o jornalista termina com um pedido: "Ah, e já agora, senhores burlões online, quando quiserem repetir a brincadeira, escrevam o meu nome correctamente: é Rodrigo Pratas."

Exclusivos