MAI pede esclarecimentos à 'Task Force' sobre atrasos na vacinação dos polícias

O ministro, que esta quarta-feira foi ouvido na comissão parlamentar de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, referiu que a vacinação contra a covid-19 entre os elementos da PSP e da GNR é de cerca de 60% desde fevereiro.

O ministro da Administração Interna disse esta quarta-feira que pediu esclarecimentos ao coordenador da 'Task Force' da vacinação sobre os motivos que levaram a que todos os polícias não tenham sido vacinados no prazo anunciado, final de maio.

"O coordenador da 'Task Force' disse que seriam todos os polícias vacinados até ao fim de maio isso não foi possível. Já pedimos esclarecimentos ao coordenador da 'Task Force' porque é que isso não se concretizou ao contrário do que tinha anunciado", disse Eduardo Cabrita no parlamento.

O ministro, que esta quarta-feira foi ouvido na comissão parlamentar de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, referiu que a vacinação contra a covid-19 entre os elementos da PSP e da GNR é de cerca de 60% desde fevereiro.

A forma como está a decorrer o processo de vacinação contra a covid-19 nas forças de segurança tem sido criticada pelos sindicatos, que alegam que muitos polícias que estiveram na linha da frente de combate à pandemia durante o estado de emergência e que continuam no trabalho operacional ainda não estão vacinados.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG