Autocarro com cerca 20 passageiros despista-se e fica à beira do precipício no Funchal

O condutor terá perdido o controlo do autocarro após chocar com uma viatura ligeira. Feridos foram transportados para o hospital.

Um autocarro com cerca de 20 passageiros a bordo despistou-se esta sexta-feira nos arredores do Funchal e ficou apoiado uma árvore na beira de um precipício, provocando quatro feridos ligeiros, indicou o Serviço Regional de Proteção Civil.

O acidente aconteceu na Estrada Conde Carvalhal, cerca das 15.00 horas, sendo que autocarro se despistou na sequência de uma colisão com uma viatura ligeira, quando efetuava a viagem entre o Funchal e a freguesia do Caniço, no concelho de limítrofe a leste.

"A informação que temos é que [os feridos] eram os dois passageiros da viatura ligeira, o condutor do autocarro e um passageiro", disse o presidente do Serviço de Proteção Civil da Madeira, António Nunes, no local.

No entanto o Diário de Notícias da Madeira fala em quatro feridos, todos eles transportados para o Hospital Dr. Nélio Mendonça, no Funchal, sendo que alguns dos restantes passageiros do autocarro sofreram escoriações.

A maioria dos passageiros do autocarro eram jovens, provavelmente estudantes que regressavam a casa depois das aulas.

O socorro envolveu cinco meios e 13 operacionais das corporações de bombeiros de Santa Cruz e Voluntários Madeirenses.

Na sequência da colisão, o autocarro, que circulava no sentido ascendente, galgou o murro de proteção da estrada, na zona do Pináculo, e ficou tombado sobre uma árvore do lado direito, na beira de um precipício sobranceiro à sede do Serviço Regional de Proteção Civil da Madeira.

Segundo um vídeo do Diário de Notícias da Madeira, uma auto-grua pesada já retirou o autocarro que se encontrou suspenso no muro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG