Hotel de cinco estrelas recusa reserva de William e Kate

Gerente explica que já tinha lotação esgotada e que "não seria ético" cancelar as reservas já existentes

Um hotel de luxo em França recusou a reserva dos Duques de Cambridge e do Príncipe Harry, explicando que "não seria ético" cancelar as reservas já existentes para criar vaga para os membros da família real britânica.

William, Kate e Harry tinham feito um pedido de reserva para quatro suites durante duas noites no Hotel Marotte, em Amiens, no norte de França. Os duques de Cambridge e Harry têm viagem marcada para França, a 30 de junho, para estarem presentes na cerimónia do centenário da Batalha de Somme.

O gerente do hotel de cinco estrelas em questão, o único com esta classificação nas imediações do campo de batalha, explicou ao jornal Courrier Picard que foi contacto pelo Ministro dos Negócios Estrangeiros francês sobre a reserva dos duques, mas que não pode aceitar uma vez que o hotel já estava lotado para essa data.

"Tivemos que recusar, seria impossível, já estamos lotados. Não poderíamos agora dizer às pessoas que já reservaram com meses de antecedência: 'Desculpem, mas a família real vem aí. Vamos ter que cancelar as vossas reservas'. Seria impensável", disse Oliver Walti à publicação.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG