Rali de Viana retoma no domingo depois de suspenso por morte de espectador

A autarquia garante estarem "reunidas as condições de segurança"

O rali de Viana do Castelo foi suspenso este sábado na sequência da morte de um espectador que assistia à prova em "local autorizado" e será retomado no domingo, anunciou fonte oficial da autarquia.

A decisão foi tomada depois de reunida a comissão organizadora com o colégio de comissários desportivos e autoridades, refere a mesma fonte da câmara municipal, explicando que a suspensão das provas deste sábado se deveu "a uma questão de respeito pela vítima do acidente".

O despiste de um veículo na primeira classificativa do Rali de Viana do Castelo provocou este sábado a morte de um espetador, um septuagenário, de Guimarães, que "foi colhido" numa saída de estrada de um dos participantes no rali.

Apesar de "assistido de imediato pelo médico da prova e pelo INEM [Instituto Nacional de Emergência Médica]", o homem acabou por morrer.

A autarquia "decidiu retomar a prova amanhã [no domingo] conforme o calendário", garantindo estarem "reunidas as condições de segurança"

Na altura, a câmara municipal ponderou anular o rali, tendo de imediato suspendido as atividades.

No entanto, a mesma fonte avançou que a autarquia "decidiu retomar a prova amanhã [no domingo] conforme o calendário", garantindo estarem "reunidas as condições de segurança".

O acidente ocorreu pelas 15:30 na freguesia de São Lourenço da Montaria, durante a primeira classificativa da sétima edição do Rali de Viana do Castelo, que, segundo a autarquia, é "pontuável para o campeonato nacional de ralis".

O primeiro dia de prova arrancou esta tarde e devia terminar pela meia-noite.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG