PSP interrompe festa ilegal com mil pessoas em Carcavelos

Polícia contou com a ajuda da Polícia Marítima para dispersar a multidão. Operação demorou duas horas.

Uma festa ilegal no parque de estacionamento da praia de Carcavelos, organizada através das redes sociais, terá reunido cerca mil pessoas na sexta-feira à noite antes de ser interrompida pela PSP.

Segundo o comissário Artur Serafim, a PSP foi chamada por volta das 00:30 por causa de uma festa no parque de estacionamento da Pastorinha e levou duas horas a dispersar a multidão, já que se foram formando pequenos grupos no areal. A Polícia Marítima ajudou nas operações.

A operação decorreu "de forma ordeira e pacífica", indicou o comissário ao DN e não foram feitas detenções. "Toda a intervenção decorreu sem qualquer tipo de incidentes ou problema", indicou, falando de uma atuação assertiva da parte da PSP.

"Estamos bastante atentos a estas situações. Iremos sempre intervir de forma muito ponderada", referiu.

A PSP apela a que todas as pessoas, nomeadamente os jovens, não adiram a este tipo de eventos e cumpram as normas da Direção Geral de Saúde, que defendem o distanciamento social.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG