Morreu José Moura Nunes da Cruz, antigo presidente do Supremo

Passou por várias comarcas, tendo chegado à presidência do Supremo Tribunal de Justiça em 2005.

O antigo presidente do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) José Moura Nunes da Cruz morreu aos 83 anos, realizando-se o funeral na terça-feira, anunciou hoje o STJ.

"Informamos, com pesar, o falecimento do juiz conselheiro jubilado José Moura Nunes da Cruz, que foi presidente do Supremo Tribunal de Justiça entre 2005 e 2006", lê-se num comunicado divulgado hoje no 'site' do STJ, no qual aquela instituição envia "sentidas condolências" à família.

O velório teve início pelas 18:00 de hoje, na capela de Gavião de Ródão, em Vila Velha de Ródão, no distrito de Castelo Branco, estado o funeral marcado para terça-feira, pelas 15:30, na Igreja Matriz de Vila Velha de Ródão, seguindo depois para o cemitério local.

José Moura Nunes da Cruz nasceu em 1936 em Vila Velha de Ródão, tendo-se licenciado em 1959 na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.

Ao longo da carreira, passou, entre outras, pelas comarcas de Castelo Branco, Castelo de Vide, Santo Tirso, Setúbal e Covilhã.

Entre 1986 e 1994 foi juiz desembargador no Tribunal da Relação de Coimbra. Depois passou para o STJ, no qual foi eleito vice-presidente em 1998 e reeleito em 2001 e 2004, chegando à presidência do Supremo em 2005.

Em 2005 e 2006 foi presidente, por inerência, do Conselho Superior da Magistratura e do Conselho de Gestão do Centro de Estudos Judiciários.