Mau tempo. Vento fez cair árvores em Gaia e tomba grua em Vila Real

O mau tempo provocou a queda de uma grua para o relvado do Campo do Calvário, em Vila Real

A chuva e o vento forte que se fizeram sentir durante a madrugada desta segunda-feira provocaram a queda de árvores e de painéis em Vila Nova de Gaia, informaram os bombeiros.

Os bombeiros registaram um total de 13 saídas, 11 das quais devido à queda de árvores, entre elas uma que caiu sobre um carro.

Os bombeiros registaram ainda a queda de estruturas como painéis de obras e publicitários.

Em geral, no distrito do Porto, o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) disse que a situação foi "calma" não se tendo registado "nenhuma situação de maior preocupação".

Em Vila Nova de Gaia, os bombeiros foram ainda chamados a combater um incêndio numa garagem.

Em declarações à Lusa, fonte dos Bombeiros Sapadores de Gaia disse que o incêndio ficou confinado à garagem, que funcionava como arrumos, sem provocar outros danos.

Queda de grua no estádio do Vila Real

Devido ao mau tempo, uma grua de grandes dimensões caiu para o Campo do Calvário, no centro da cidade, estádio onde o Vila Real joga, tendo provocado "estragos avultados" na bancada e no relvado sintético, disse o presidente da Câmara de Vila Real, Rui Santos, à Lusa.

"Esta foi uma noite muito complicada e com bastantes estragos", disse o autarca.

"É um cenário, espalhado um pouco por todo o concelho, de danos materiais consideráveis. Estragos que felizmente não envolveram pessoas, não há danos físicos a registar, mas há muitos danos materiais", afirmou.

De acordo com o JN, há registo de falhas de eletricidade em algumas áreas da cidade.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG