Leonor Castro entrou com 20 valores em Direito e quer lutar contra o crime

Aluna é filha de uma advogada e de um colaborador de uma empresa de comunicações

Leonor Castro tem 17 anos, entrou em Direito com 20 valores, a nota mais alta de acesso ao ensino superior na Universidade do Porto, e sonha em ser procuradora, para ajudar a resolver crimes de corrupção.

"Para já a minha meta é ser procuradora [da República], acho que é a de todas a que mais chama por mim. Também ponho a hipótese de juíza, o futuro o dirá, mas acho que sim, se tudo correr bem gostava de chegar a procuradora", contou à Lusa.

À margem da cerimónia de boas-vindas aos caloiros que a U.Porto organizou esta quinta-feira, Leonor Castro assume que gostava muito de fazer parte das investigações relacionadas com crimes e corrupção.

"Tudo o que seja para ajudar e para mudar toda uma situação para melhor, eu quero estar lá", assume aquela a nova aluna da U.Porto que nem sequer ainda atingiu a maioridade, mas que desde sempre soube o que queria ser "quando fosse grande".

"Acho que está ao alcance de todos ter boas notas", declarou, referindo que não há segredo nenhum para além de "muito trabalho".

"Desde as minhas bases, que penso que foram muito boas, graças aos meus bons professores, eu sempre trabalhei, sempre tive gosto em estudar, sempre tive gosto em alcançar objetivos e desde o secundário sempre tive objetivos na mira, sempre tive prioridades", explica, referindo que a "junção" da força de vontade e o interesse ao trabalho deu resultados positivos.

A escola primária feita no Externato de Santa Margarida, em Gondomar, distrito do Porto, é um dos trunfos que Leonor Castro destaca para o seu sucesso na entrada em Direito com 20 valores. "Agradeço muito à minha professora [da escola primária, porque acho que cheguei onde cheguei também por causa dela", declarou, considerando que "deve muito à escola primária".

A antiga jogadora federada em voleibol, é filha de uma advogada e de um trabalhador de uma empresa de comunicações, tem um irmão a frequentar o 9.º ano de escolaridade, que diz também ser "muito bom aluno", diz que adora praticar desporto e de estar a par das notícias do mundo, gosta de cinema e de ver séries na televisão e adora ir às compras com as amigas.

"Posso dizer que tenho tempo para tudo", conclui.

A U.Porto deu esta quinta-feira as boas-vindas a cerca de cinco mil estudantes na Praça Gomes Teixeira (em frente à Reitoria da Universidade do Porto), sob o mote "A Tua nova casa", oferecendo um 'Kit' com presentes, entre eles a entrada gratuita em cerca de 20 espaços e museus da cidade, como a Torre dos Clérigos, Museu de Serralves, Museu Soares dos Reis, Centro Português de Fotografia, à Casa da Música.

A U.Porto registou este ano a "mais alta taxa de procura nesta primeira fase do concurso nacional de acesso ao Ensino Superior, preenchendo 99,8% das vagas disponibilizadas", lê-se num comunicado daquela instituição de ensino superior.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG