Detido português e três estrangeiros suspeitos de tráfico de cocaína no aeroporto de Lisboa

Quatro pessoas foram detidas nos últimos dias por suspeitas de tráfico de estupefacientes, tendo ficado em prisão preventiva. De acordo com a PJ, levavam consigo uma quantidade suficiente para compor pelo menos 13 mil doses individuais.

A Polícia Judiciária (PJ) deteve quatro pessoas, entre as quais um português, por suspeita de tráfico de estupefacientes, comunicaram as autoridades esta sexta-feira. A identificação e detenção decorre de uma investigação da "atividade desenvolvida por um grupo criminoso que se dedicava à introdução de produtos estupefacientes no espaço europeu, através do Aeroporto Humberto Delgado", escreve a PJ.

Os suspeitos têm entre 25 e 33 anos e carregavam consigo uma "elevada quantidade de cocaína que um deles transportou desde um país da América do Sul para Lisboa". De acordo com a PJ, caso esta carga "chegasse aos circuitos ilícitos de distribuição seria suficiente para a composição de pelo menos 13 mil doses individuais".

Um dos suspeitos tentou fugir às autoridades, mas acabou detido por elementos da Divisão de Segurança Aeroportuária de Lisboa da Polícia de Segurança Pública, junto ao aeroporto de Lisboa. Todos já foram presentes ao primeiro interrogatório judicial, encontrando-se agora em prisão preventiva.

A investigação continua aberta, sob o comando da judiciária.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG