Covid-19. Há 53 municípios com infetados acima da média nacional, 29 no Norte

Os concelhos de Sernancelhe e Vimioso têm valores superiores a sete novos casos de covid-19 por 10 mil habitantes. A 6 de setembro, a média nacional era de 2,4.

No final da primeira semana de setembro havia mais de meia centena de municípios em Portugal com uma média de novos casos de covid-19 acima do valor nacional.

"A 6 de setembro de 2020 existiram no país 2,4 novos casos confirmados de covid-19 (últimos 7 dias) por 10 mil habitantes. O número de novos casos confirmados com a doença COVID-19 por 10 mil habitantes foi superior ao nacional em 53 municípios", indica o Instituto Nacional de Estatística (INE) no estudo "Indicadores de contexto demográfico e da expressão territorial da pandemia COVID-19 em Portugal", divulgado esta sexta-feira ao final da manhã.

De acordo com a distribuição geográfica dos novos casos, "na região norte, 29 municípios registaram um valor acima do país, salientando-se um conjunto de 13 municípios da Área Metropolitana do Porto (AMP) e territórios limítrofes - Arouca, Póvoa de Varzim, Vila do Conde, Santo Tirso e Paredes na AMP e os municípios de Lousada, Felgueiras, Paços de Ferreira, Castelo de Paiva e Penafiel no Tâmega e Sousa, e de Guimarães, Vila Nova de Famalicão e Vizela no Ave", lê-se no relatório.

Mas há dois concelhos que com um coeficiente que é mais do dobro da média nacional. "Com valores superiores a sete novos casos por 10 mil habitantes, destacavam-se os municípios de Sernancelhe (Douro) e Vimioso (Terras de Trás-os-Montes)", aponta o estudo.

"Na Área Metropolitana de Lisboa (AML), do total de 18 municípios que compõem esta região, 11 apresentaram valores acima do nacional", sendo que Sintra e Amadora, registaram cinco ou mais casos confirmados por 10 mil habitantes, "seguindo-se os municípios de Vila Franca de Xira, Odivelas, Lisboa, Oeiras, Loures, Setúbal, Barreiro, Mafra e Seixal", acrescenta o gabinete de estatística.

Na região Centro, os municípios de Arruda dos Vinhos, Santa Comba Dão, Cantanhede, Águeda e Sátão também tinham valores acima da referência nacional. Na região Sul, os municípios de Odemira, Santarém, Reguengos de Monsaraz, Campo Maior, Sines, Benavente e Mora e "Algarve (o município de Loulé) apresentavam valores superiores ao valor nacional", indica o estudo.

Os dados até ao dia 6 de setembro permitem uma análise por município. Três dias depois, a 9 de setembro, já se verificavam 3 novos casos por cada 10 mil habitantes.

Paulo Ribeiro Pinto é jornalista do Dinheiro Vivo

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG