35 mil alunos de Lisboa terão acesso ao Navegante Escola no próximo ano letivo

Cerca de 35 mil alunos das escolas de Lisboa terão acesso no próximo ano letivo ao Navegante Escola, um cartão que permitirá, simultaneamente, identificar o aluno e aceder aos transportes públicos, avançou hoje o BE.

"A partir do próximo ano letivo, todos os alunos do 1.º, 2.º e 3.º ciclos das escolas de Lisboa vão poder ter acesso ao Navegante Escola, um cartão único que, simultaneamente, identifica o aluno e que dá acesso aos transportes públicos (Metro, Carris e agora CP) no concelho de Lisboa", refere a vereação do BE no município lisboeta, numa nota enviada à Lusa.

Segundo o Bloco, "até 15 de Junho, data de fim das matrículas, os encarregados de educação só têm de escolher a opção no próprio preenchimento dos dados do aluno para requerer o cartão Navegante Escola sem custos".

O Navegante Escola, projeto dos vereadores da Mobilidade, Miguel Gaspar (PS), e da Educação, Manuel Grilo (BE - partido que tem um acordo de governação na Câmara de Lisboa com o PS), abrangerá os alunos do 1.º ao 9.º ano, sendo que os estudantes até aos 12 anos poderão utilizar os transportes gratuitamente.

Cerca de 14.200 alunos das escolas públicas do 1.º ciclo de Lisboa receberam este cartão no início do atual ano letivo. A medida é estendida agora ao segundo e terceiro ciclos.

Em janeiro do ano passado, Ricardo Robles, então vereador da Educação e dos Direitos Sociais (BE) na Câmara de Lisboa, disse à Lusa que pretendia que o cartão Navegante Escola abrangesse todos os alunos do 1.º ciclo em 2018 e que, em setembro de 2019, fosse alargado aos ciclos seguintes.