Governo dá 45 dias para inspeção às pedreiras

O governo pediu esta quarta-feira uma inspeção ao licenciamento, exploração, fiscalização e suspensão de operação das pedreiras situadas na zona de Borba, onde na segunda-feira uma estrada colapsou.

Em comunicado, o Ministério do Ambiente e da Transição Energética determina "que, no prazo de 45 dias, a Inspeção-Geral da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território (IGAMAOT), proceda a uma inspeção ao licenciamento, exploração, fiscalização e suspensão de operação das pedreiras situadas na zona onde ocorreu o acidente do dia 19 de novembro".

Ontem, foi resgatado o corpo da primeira vítima, dos escombros. Era um dos dois trabalhadores da pedreira que foram arrastados pelo colapso da estrada. As autoridades admitem ainda que dois carros tenham sido arrastados. As buscas seguem esta quarta-feira.

Depois do acidente tem-se questionado se a estrada tinha ou não condições de segurança para estar aberta ao trânsito. O autarca, responsável pela gestão da EN255, garante nunca ter havido sinal que o troço estava em risco.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG