Terroristas detidos tinham planeado atentado na Disneyland Paris

Suspeitos detidos no fim de semana, entre os quais um marroquino que passou por Portugal, planeavam atacar edifícios das autoridades, a Disneyland e até os Campos Elísios

Os suspeitos detidos no passado fim de semana em França planeavam levar a cabo vários ataques no próximo dia 1 de dezembro em locais emblemáticos dentro e fora de Paris, segundo uma fonte próxima da investigação citada pela agência Reuters.

Fonte policial refere que entre os alvos dos terroristas se encontravam o centro de serviços de contraterrorismo em Levallois-Perret, nos subúrbios de Paris, a sede da polícia de investigação criminal, no Quai des Orfevres, e o edifício do supremo tribunal nas margens do rio Sena. Outros alvos seriam o parque temático da Disneyland, a cerca de 30 quilómetros de Paris, e os Campos Elísios, uma das zonas mais turísticas da capital francesa.

De acordo com a agência Reuters, terá sido possível reconstituir os alvos dos terroristas a partir de informação encontrada num telemóvel.

Os ataques foram frustrados com a detenção de sete pessoas numa operação antiterrorista realizada na noite de sábado para domingo em Estrasburgo e Marselha, anunciou na segunda-feira o ministro do Interior francês, Bernard Cazeneuve.

Um dos detidos, de origem marroquina, passou por Portugal, tendo pedido asilo político em solo nacional. Residia na zona de Aveiro e estava referenciado pelas autoridades portuguesas.

A França tem enfrentado nos últimos dois anos uma ameaça terrorista sem precedentes, tendo sido palco dos atentados de novembro de 2015 em Paris, com um balanço de 130 mortos, e do de julho de 2016 em Nice, que matou 86 pessoas.

Com Reuters

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG