Vladimir Putin vai falar com Trump sobre a Síria

Durante o encontro com o Presidente sírio, Bashar al-Assad, na noite de segunda-feira, em Sochi, Putin indicou que planeia realizar uma série de "consultas" com chefes de Estado

O Presidente russo, Vladimir Putin, prevê conversar hoje com o homólogo norte-americano, Donald Trump, sobre a Síria, na véspera de uma cimeira tripartida sobre o conflito, no sudoeste da Rússia, indicou o Kremlin.

Durante o encontro com o Presidente sírio, Bashar al-Assad, na noite de segunda-feira, em Sochi, Putin indicou que planeia realizar uma série de "consultas" com chefes de Estado.

"A partir de hoje [segunda-feira] está prevista uma conversa com o emir do Qatar, e amanhã [terça-feira] com o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump", declarou Putin, de acordo com um comunicado do Kremlin.

Os Presidentes da Rússia, Irão e Turquia vão reunir-se na quarta-feira na estância balnear de Sochi para abordar os mais recentes desenvolvimentos na Síria e na região, onde os três países têm um papel importante.

A Rússia, o Irão e a Turquia patrocinaram o chamado Acordo de Astana, que visa reduzir a intensidade dos combates no terreno para criar as condições para um acordo político que ponha fim ao conflito na Síria, que fez mais de 300.000 mortos e milhões de deslocados desde que estalou em março de 2011.

Ao abrigo desse acordo foram instauradas "zonas de distensão", nas quais é observado em princípio um cessar-fogo entre as forças do regime e grupos rebeldes moderados.

A Rússia e o Irão são aliados do Presidente sírio, Bashar al-Assad, e a Turquia apoia os rebeldes que o combatem.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG