Queda de helicóptero de emergência em França faz três mortos

Cheias já fizeram onze mortos numa semana no sudeste francês.

Três trabalhadores dos serviços de emergência médica francesa morreram num acidente de helicóptero, enquanto participavam numa missão de resgate aos afetados das inundações.

Em pouco mais de uma semana, onze pessoas morreram no sudeste da França devido ao mau tempo. As autoridades francesas decretaram alerta vermelho em várias regiões do país.

Os três ocupantes de um helicóptero da Segurança Civil francesa, que foram ajudar os moradores da zona de Var afetados pelo mau tempo, foram encontrados mortos perto de Marselha, numa área que não foi colocada em alerta vermelha (o máximo em termos de perigosidade), na noite de domingo para segunda-feira, confirmou o Ministério do Interior.

"O helicóptero EC145 da Segurança Civil estava a caminho de Le Luc-Le Cannet (Var) numa missão de reconhecimento e resgate, quando o rádio e o radar deixaram e funcionar. Apesar dos esforços dos principais meios busca, [...] os três ocupantes do helicóptero foram encontrados mortos às 1.30", perto da cidade de Rove, na região de Marselha, disseram num comunicado conjunto o ministro do Interior de França, Christophe Castaner, e o Secretário de Estado Laurent Nuñez, prestando homenagem aos socorristas.

As autoridades revelaram ainda que será aberta uma investigação para apurar as circunstâncias exatas da tragédia.

Algumas horas antes, as fortes chuvas que caíram, no domingo à noite, também causaram duas mortes no Var. Em Fréjus, o dono de uma quinta de cavalos saiu para cuidar dos animais e foi levado pela enxurrada. Já na comuna de Saint-Paul-en-Forêt, um pastor que terá ido à noite resgatar os seus animais também foi levado pelas águas.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG