México captura El Marro, líder de poderoso cartel de tráfico de combustível

Jose Yepes, conhecido como El Marro, era um dos criminoso mais procurados do México. Promovia o roubo de combustível através de perfurações em oleodutos.

Jose Antonio Yepez, líder de um poderoso cartel de tráfico de combustível no México, foi capturado domingo numa operação militar no estado central de Guanajuato, informou o governo.

A captura de Yepez, também conhecido como "El Marro", foi anunciada na conta oficial do Twitter de Alfonso Durazo, ministro federal de segurança pública.

Yepez, considerado um dos criminosos mais procurados do México, construiu um cartel focado em perfurar oleodutos e depois vender o combustível no mercado negro.

Durazo disse que Yepez tinha sido transferido para uma prisão de segurança máxima no estado central do México, e compareceria perante o juiz federal que emitiu a ordem de prisão sob a acusação de "crime organizado e roubo de combustível".

Oito homens foram presos ao lado de Yepez e uma mulher sequestrada foi resgatada.

"Esta prisão é muito importante", disse o presidente mexicano Andres Manuel Lopez Obrador num vídeo transmitido nas redes sociais.

Quando Lopez Obrador assumiu o cargo em dezembro de 2018, organizou a sua política de segurança para reprimir o tráfico de combustível.

"Como esse cartel cresceu tanto que Guanajuato se tornou o estado mais violento do país?", frisou na sua mensagem de vídeo. Obrador disse que foi o resultado de "corrupção" entre autoridades locais e a sua "cumplicidade" com os criminosos.

Em 24 de julho, as autoridades detiveram um dos principais operacionais de Yepez e o chefe de uma das células do cartel, Jose "El Mamey" Guadalupe.

Trinta membros do cartel foram detidos em junho, incluindo a mãe e a irmã de Yepez, levando-o a fazer um vídeo exigindo a sua libertação. As duas mulheres foram libertadas dias depois.

Guanajuato é um dos centros industriais mais importantes do México. A sua riqueza e extensa infraestrutura energética atraíram a atenção de grupos criminosos, incluindo o poderoso cartel Jalisco New Generation e o cartel Santa Rosa de Lima.

Estes dois grupos estão envolvidos num conflito sangrento, transformando Guanajuato num dos estados mais violentos do México.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG