Obama: "A má notícia é que o meu sucessor no cargo não concorda comigo"

Barack Obama já apontou o dedo ao atual presidente dos EUA. Ex-presidente lamentou que Trump tenha revertido algumas medidas aplicadas pela sua administração

O ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama já está a discursar no Porto, num evento dedicado às alterações climáticas. Na conferência Climate Change Leadership Porto Summit 2018, que decorre no centro da cidade, o auditório é composto em exclusivo por convidados, que só puderam entrar com telemóveis. O 44.º presidente dos Estados Unidos não fará declarações à imprensa.

Barack Obama já apontou o dedo ao atual presidente americano, numa intervenção que está a ser acompanhada pelo JN. Falando do controlo das emissões de dióxino de carbono, Obama lamentou que Trump tenha revertido algumas medidas aplicadas pela sua administração. "A má notícia é que o meu sucessor no cargo não concorda comigo. E fez um esforço para retroceder algumas medidas. Só que estavam tão embrenhadas na economia dos EUA que todas as companhias perceberam que eram boas para o negócio."

O ex-presidente dos EUA deixou também o aviso de que "as alterações climáticas influenciam as migrações", lembrando o caso sírio e o empobrecimento rural resultante da diminuição da capacidade de produção da terra.

Em frente ao Coliseu, o passeio do outro lado da Rua Passos Manuel foi acolhendo desde o fim da manhã vários curiosos e pessoas atraídas pelas notícias da presença de Obama. O entusiasmo pela hipótese de ver de perto o antigo presidente norte-americano foi alimentando conversas e amizades de ocasião, mas com o passar do tempo foi sendo substituído pela desilusão, face às notícias de que Obama, afinal, entraria por uma outra porta, traseira, longe dos olhares da multidão.

O aglomerado perdeu gente, mas ainda há várias dezenas de populares (entre portuenses e turistas surpreendidos) à espera de um aceno de Obama no final da conferência.

À falta de Obama, foi Marques Mendes a ganhar o concurso de popularidade à entrada para o coliseu. O antigo líder do PSD e atual comentador foi bastante saudado e distribui até beijos. Assunção Cristas também foi notada, mas a líder do CDS provocou reações mais diversas.

25 perguntas

Barack Obama é um dos quatro conferencistas do Climate Change Leadership Porto, um debate sobre alterações climáticas organizado pelo setor vinícola em colaboração com várias instituições e empresas. A sua intervenção decorre desde as 15.00 e está prevista para durar uma hora, partilhando o palco do Coliseu do Porto com o anterior orador, Juan Verde, perito em economia verde. Obama vai responder a cerca de 25 perguntas previamente selecionadas.

Ler mais

Exclusivos

Premium

João Gobern

País com poetas

Há muito para elogiar nos que, sem perspectivas de lucro imediato, de retorno garantido, de negócio fácil, sabem aproveitar - e reciclar - o património acumulado noutras eras. Ora, numa fase em que a Poesia se reergue, muitas vezes por vias "alternativas", de esquecimentos e atropelos, merece inteiro destaque a iniciativa da editora Valentim de Carvalho, que decidiu regressar, em edições "revistas e aumentadas", ao seu magnífico espólio de gravações de poetas. Originalmente, na colecção publicada entre 1959 e 1975, o desafio era grande - cabia aos autores a responsabilidade de dizerem as suas próprias criações, acabando por personalizá-las ainda mais, injectando sangue próprio às palavras que já antes tinham posto ao nosso dispor.