O que Trump e Putin já disseram um sobre o outro

Os presidentes dos EUA e da Rússia vão reunir-se dia 16 em Helsínquia, na Finlândia, anunciaram os respetivos governos

Desde a entrada em funções do líder norte-americano, em janeiro do ano passado, Donald Trump e Vladimir Putin só se encontraram à margem de reuniões internacionais, a mais recente das quais a cimeira da APEC, no Vietname, em novembro de 2017.

​​​​​​A guerra na Síria e a investigação nos EUA à alegada interferência russa nas eleições presidenciais norte-americanas de 2016 têm motivado um ambiente de tensão entre os dois países e, por vezes, trocas de declarações menos afáveis. Veja o que já disseram um sobre o outro Trump e Putin.

Trump sobre Putin

"Não gosto desse senhor. Espero que tenhamos uma relação fantástica. É possível que sim, é possível que não...veremos o que acontece"
janeiro de 2017

"Ele disse-me que não interferiu. Ele disse. Eu perguntei. Posso perguntar várias vezes. Quando o vejo ele diz: 'Eu não fiz isso'. E eu acredito. Eu realmente acredito, que quando ele me diz isso, é porque realmente está a falar a sério"
novembro 2017

"Putin, a Rússia e o Irão são responsáveis por apoiarem o Animal Assad. Haverá um preço elevado a pagar..."
abril 2018

Putin sobre Trump

"É difícil manter um diálogo com quem confunde a Áustria com a Austrália"
setembro 2017

"Foi eleito pelo povo americano e pelo menos isso deve ser respeitado, mesmo que não concordemos com as suas posições"
outubro 2017

"A atual escalada na Síria tem um impacto devastador em todo o sistema das relações internacionais. A História encarregar-se-á de pôr tudo no sítio. Já colocou imensa responsabilidade sobre Washington pelas suas ações sangrentas contra a Jugoslávia, o Iraque e a Líbia"
abril 2018

Ler mais

Exclusivos