Hotel envia fatura de 5,3 milhões a youtuber que queria estadia de graça

Empresário diz que deu dinheiro a ganhar em publicidade à youtuber que queria ficar de graça no hotel dele em Dublin e pede-lhe contrapartidas

Parece estar longe de terminar a troca de galhardetes entre a youtuber Elle Darby e Paul Stenson, o dono do hotel irlandês White Moose Café. Darby tentou negociar uma estadia grátis na unidade hoteleira, a troco de "boa publicidade" mas redes sociais para os seus seguidores (94 mil no Youtube e 87 mil no Instagram) mas Stenson respondeu à "querida influenciadora" que era preciso não ter vergonha na cara para lhe apresentar um pedido daqueles, publicando a resposta ao e-mail da youtuber no Facebook.

Elle Darby, por sua vez, partilhou um vídeo anunciando que fora "exposta" e dizendo que se sentiu humilhada, garantindo que nunca fora intenção dela faltar ao respeito a alguém. Mas Stenson não ficou por aqui: agora, decidiu colocar no Facebook do hotel a imagem de uma fatura em que cobra à youtuber o astronómico valor de 5,3 milhões de euros em publicidade, referindo os 114 artigos em 20 países que falaram da jovem à custa do hotel, "com um potencial alcance de 450 milhões de pessoas"

O empresário inovou e criou até t-shirts para ironizar com toda a situação. Também no Facebook, partilhou uma imagem ao lado do companheiro, cada um mostrando na t-shirt uma frase diferente: "Fui exposto pelo White Moose" e "Eu exigi borlas no White Moose Café e a única coisa que recebi foi esta t-shirt rasca".

E Stenson não teve problemas em comprar novas polémicas com potenciais clientes. Nas redes sociais, no seguimento do pedido da youtuber, informou ainda que a unidade hoteleira tem dois novos recipientes, um para "cinzas dos vegans" e o outro para "lágrimas de bloggers".

Elle Darby, a youtuber de 22 anos que deu azo à resposta do empresário, ainda não comentou a "fatura" milionária que o hotel prometeu enviar-lhe.

Ler mais

Exclusivos