Governo espanhol pede às pessoas para usarem máscara na rua

Espanha deverá prolongar o confinamento obrigatório até 26 de abril, depois de ter atingido 117 mil casos confirmados e quase 11 mil mortes

Prestes a prolongar o confinamento obrigatório até 26 de abril numa altura em que já atingiu os 117 mil casos confirmados e quase 11 mil mortes devido ao covid-19, o governo espanhol estuda medidas para conter o novo coronavírus e tem claro que é importante a utilização de máscaras para quem sai à rua, além da redução de contactos e o distanciamento social.

Em Portugal, a diretora geral de saúde, Graça Freitas, tem referido que a utilização de máscaras pode dar a sensação de falsa segurança.

Os dados indicam que a epidemia está em fase de estabilização em Espanha, numa fase em que as medidas de confinamento começam a dar frutos, especialmente no que concerne a evitar o colapso dos hospitais e das unidades de cuidados intensivos.

Segundo a porta-voz do Ministério da Saúde, Maria José Sierra, os números de novos casos nos últimos dias "confirmam a tendência de redução" nos internamentos, incluindo nas unidades de cuidados intensivos.

Nesta sexta-feira Espanha registou mais 7.472 casos confirmados e 932 mortes. Os 11 mi óbitos registados em Espanha correspondem a 20% do total de mortes em todo o mundo, que são mais de 50 mil.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG