4.790 casos e 601 mortes em Itália em 24 horas. Mas os números diários estão a diminuir

Os números em Itália continuam a ser devastadores, mas os casos e as mortes anunciados diariamente diminuíram pelo segundo dia consecutivo

Nas últimas 24 horas, Itália registou mais 4.790 casos confirmados e 601 mortes, anunciaram as autoridades do país.

Pelo segundo dia consecutivo, houve um decréscimo no aumento de casos e de mortes, depois 6557 casos e 793 mortes no sábado e de 5560 casos e 651 mortes no domingo.

No total, há 63.927 casos confirmados e 6.077 mortes naquele que é o país mais devastado pelo covid-19.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 366 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 16 mil morreram. O continente europeu é aquele onde está a surgir atualmente o maior número de casos.

A China, sem contar com os territórios de Hong Kong e Macau, onde a epidemia surgiu no final de dezembro, conta com um total de 81.054 casos, tendo sido registados 3.261 mortes.

Os países mais afetados a seguir à Itália e à China são a Espanha, com 2.182 mortos em 33.089 infeções, o Irão, com 1.812 mortes num total de 23.049 casos, a França, com 674 mortes (16.018 casos), e os Estados Unidos, com 390 mortes (31.057 casos).

Vários países adotaram medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.

LEIA MAIS AQUI

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG