Diretor criativo da Balmain revela que sofreu graves queimaduras

O estilista Olivier Rousteing revela que sofreu graves queimaduras no corpo e no rosto depois de ter sido apanhado pela explosão de uma lareira em casa.

Olivier Rousteing, diretor criativo da Balmain, revelou, através da publicação de uma fotografia nas redes sociais, que sofreu graves queimaduras há um ano devido à explosão da sua lareira. Admitiu que escondeu as queimaduras na cara e no corpo por "vergonha" e devido ao ambiente onde se move, no qual reina "a obsessão pela perfeição".

"Finalmente sinto-me pronto para partilhar isto. Tenho escondido durante demasiado tempo e chegou a altura de vocês saberem", começou por escrever o estilista, de 36 anos, na legenda da fotografia que partilhou na conta do Instagram, onde tem sete milhões de seguidores.

As palavras acompanham a foto na qual é possível ver o tronco, os braços, as mãos e a cabeça do estilista envoltos em gaze, assim como várias cicatrizes no rosto.

"Há exatamente um ano, a lareira da minha casa explodiu. Acordei na manhã seguinte no hospital Saint-Louis, em Paris", explicou. "Fiz de tudo para esconder esta história do maior número de pessoas possível, tentando mantê-la em segredo com as minhas equipas e amigos por demasiado tempo", revelou.

"Para ser honesto, não sei bem por que razão estava tão envergonhado, talvez tenha sido esta obsessão com a perfeição por que a moda é conhecida e as minhas próprias inseguranças...", confessou Rousteing na rede social

Rousteing garante que já está "curado, feliz e saudável" e fala mesmo num "renascimento". Afirmou que "trabalhou dia e noite para esquecer e criar [as suas] coleções". Lembrou que "escondeu as cicatrizes com máscaras faciais, gola alta, mangas compridas e até anéis em nos dedos em inúmeras entrevistas e sessões de fotos".

"Percebi que o poder das redes sociais era revelar apenas o que queremos mostrar", frisou. "Permitir-nos criar a nossa própria história, evitando o que não queremos ver ou mostrar: esse é o nosso novo mundo", considerou.

"Nunca desistam. Depois da tempestade o sol aparece sempre"

Rousteing, diretor criativo da Balmain há dez anos, fez esta revelação 10 dias após o seu último desfile, realizado a 29 de setembro na Semana de Moda de Paris. Um desfile que foi a "celebração da cura", referiu ainda.

"Hoje, sinto-me tão livre, tão bem e tão sortudo. Estou a começar um novo capítulo com um sorriso no rosto e um coração cheio de gratidão", destacou o estilista que agradeceu aos médicos e enfermeiros do Hospital Saint Louis e a todos os que o ajudaram "durante a longa recuperação" e guardaram o segredo que agora revelou.

Na publicação no Instagram termina com uma mensagem aos milhões de seguidores: "Nunca desistam. Depois da tempestade o sol aparece sempre".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG