Candidata portuguesa à maior organização da juventude da Europa

Ana Lídia Pereira é candidata à liderança da Juventude do Partido Popular Europeu. É a primeira mulher a entrar na corrida para a presidência do YEPP.

Os portugueses estão mesmo a conquistar o mundo." A líder da JSD, Margarida Balseiro Lopes, exalta assim a candidatura de uma conimbricense, Ana Lídia Pereira, à liderança da Juventude do Partido Popular Europeu (YEPP), a maior organização política de juventude da Europa.

"Esta candidatura é muito importante porque nunca conseguimos almejar uma posição tão prestigiada nesta organização", garante a também deputada social-democrata. O lugar mais destacado de portugueses no YEPP é uma vice-presidência, que já foi ocupada pelo antigo líder da JSD e deputado do PSD Duarte Marques.

Ana Lídia Pereira, de 27 anos, vive em Bruxelas e é hoje também uma das vice-presidentes da organização. Foi em Coimbra que entrou para a JSD, onde teve vários cargos. É mestre em estudos económicos europeus pelo Colégio da Europa, de Bruges, e consultora sénior na Deloitte, depois de ter passado pela Ernest&Young e pelo Banco Europeu de Investimento.

Margarida Balseiro Lopes destaca ainda o facto de se tratar de uma candidatura no feminino. "Penso que também é a primeira vez que acontece na corrida à presidência da organização."

Ana Lídia Pereira anda por estes dias em campanha em Bruxelas à procura do apoio para ser eleita - sobretudo do apoio do "bloco alemão", que pesa muito na juventude do Partido Popular Europeu, família política do PSD no Parlamento Europeu. A entrega das candidaturas ao cargo acontece na próxima quarta-feira.

Os portugueses estão mesmo a conquistar o mundo.

A Juventude do Partido Popular Europeu tem estatutos próprios, programa político e representantes eleitos e os membros do YEPP são as juventudes partidárias a nível nacional.

O objetivo de todas as 51 organizações membros visa influenciar a formação das suas sociedades com ideias de centro-direita, democracia-cristã e ideais conservadores. O YEPP reúne entre um e dois milhões de jovens em 38 países da Europa, o que o torna a maior organização política juvenil na Europa. O próximo congresso vai realizar-se na primeira semana de novembro, em Atenas.

Margarida Balseiro Lopes sublinha ainda a importância do YEPP no contexto das próximas eleições europeias, em que vão entrar para as campanhas eleitorais nos vários Estados membros temas como o brexit e as migrações. Este tema é, aliás, um dos que têm merecido maior atenção por parte dos jovens do Partido Popular Europeu.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ricardo Paes Mamede

Foi Centeno quem fez descer os juros?

Há dias a agência de notação Standard & Poor's (S&P) subiu o rating de Portugal, levando os juros sobre a dívida pública para os níveis mais baixos de sempre. No mesmo dia, o ministro das Finanças realçava o impacto que as melhorias do rating da República têm vindo a ter nas contas públicas nacionais. A reacção rápida de Centeno teve o propósito óbvio de associar a subida do rating e a descida dos juros às opções de finanças públicas do seu governo. Será justo fazê-lo?