Premium PSP segue pista de tríades chinesas na Baixa de Lisboa

A investigação começou com a descoberta, no início do mês, de uma fábrica de haxixe no norte de Portugal. Os dois cabecilhas chineses têm morada e propriedades registadas na Baixa de Lisboa

No inóspito lugar de Boi Morto (na freguesia de Pedrouços, concelho da Maia) um armazém abandonado - onde em tempos eram as instalações da empresa Tinturaria e Acabamentos de José Pinto - foi transformado numa gigantesca fábrica de haxixe, comandada por um casal de cidadãos chineses com propriedades registadas na Baixa de Lisboa, e que a PSP acredita terem ligações às tríades.

O cabecilha e a mulher tinham autorização de residência legal em Portugal, no caso dele um visto gold.

Ler mais

Exclusivos