Premium John Bolton, o artífice da saída dos EUA do pacto sobre armas nucleares

Conselheiro de Segurança Nacional de Donald Trump, que ontem se reuniu com Putin, defende há anos que Washington deve abandonar o tratado dos tempos da Guerra Fria.

No final dos anos 1970, em plena Guerra Fria, a União Soviética tinha vários mísseis nucleares de médio alcance (conhecidos como SS-20) na Europa do Leste preparados para, em poucos minutos, atingir várias capitais do Velho Continente. Em resposta, os EUA começaram a espalhar os seus mísseis nucleares Pershing II no território dos aliados europeus.

Rodeados de mísseis, mais de um milhão de pessoas saíram à rua na Alemanha Ocidental em outubro de 1983 (assim como vários milhares em Londres, Paris, Estocolmo, Roma ou Viena) para protestar contra a irrupção dos mísseis na Europa.

Ler mais

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG