Exclusivo Um dos grandes romances do ano já foi escrito e chama-se 'Tropel'

Em 2011, Manuel Jorge Marmelo publicou o premiado Uma Mentira Mil Vezes Repetida. Tal como esse título confirma uma máxima, o seu novo romance, Tropel, desvenda um cenário de injustiça que não é falsa, além de ser repetida à exaustão e a que ninguém dá importância: a caça ao homem.

O mais recente romance de Manuel Jorge Marmelo, Tropel, distingue-se entre a inutilidade de muitos livros recém-publicados e convida o leitor a fazer um exame de consciência e a questionar-se sobre o que faz para mudar o mundo. Tropel é esse convite e fá-lo sem se perder em situações menores.

Sem facilitismos, começa assim: "Se temes os ursos, não entres na floresta." É um aviso ao leitor que dá início à leitura, sedutor o quanto baste para em seguida se confrontar com uma narrativa muitas vezes cruel e que de irreal tem pouco, tantas serão a semelhanças com a realidade de certas regiões da Europa Central que teimam em manter-se nos noticiários ao longo de décadas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG