Premium Quatro ministros de Estado e um governo que são dois

António Costa quer Pedro Siza Vieira a tomar conta do governo para ele próprio se concentrar na presidência da UE. Foi por isso que teve de o promover a ministro de Estado.

Eis como um alto dirigente do PS explica ao DN a nova orgânica do segundo governo de António Costa, com os seus quatro ministros de Estado e Pedro Siza Vieira oficialmente promovido a número dois do executivo: "No fundo, são dois governos num só: um para a Europa, chefiado por António Costa; e outro para a terrinha, coordenado pelo Pedro Siza Vieira."

Quando este dirigente fala num "governo para a Europa" aquilo a que está a referir-se é ao facto de, no primeiro semestre de 2021, Portugal assumir a presidência da União Europeia. António Costa decidiu concentrar um grande esforço na preparação, e depois na execução, dessa presidência. Mas precisa para isso de ter alguém da sua absoluta confiança que fique em Lisboa a tomar conta do executivo enquanto ele deambula pelas capitais europeias.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Legionela

Maioria das vítimas quer "alguma justiça" e indemnização do Estado

Cinco anos depois do surto de legionela que matou 12 pessoas e infetou mais de 400, em Vila Franca de Xira, a maioria das vítimas reclama por indemnização. "Queremos que se faça alguma justiça, porque nunca será completa", defende a associação das vítimas, no dia em que começa a fase de instrução do processo, no tribunal de Loures, que contempla apenas 73 casos.