No Centro de Comando e Controlo Estratégico está localizado são acopanhadas todas a ocorrências do país
Premium

segurança

O 'big brother' da PSP: onde está, para que serve e quem manda no centro de comando

Quase tudo o que se possa imaginar das mais modernas tecnologias ao serviço do combate ao crime está ali, no Centro de Comando e Controlo Estratégico da PSP. Uma visita em exclusivo para o DN em tempo de pandemia.

O briefing diário está marcado para as 09.45, como habitualmente. Manuel Magina da Silva, o diretor nacional da PSP, chega, à civil, num passo apressado. Nessa manhã já tinha estado em antena na Rádio Renascença a explicar todo o incansável trabalho que os seus polícias têm vindo a fazer na prevenção da covid-19. Lança-nos um esquivo bom-dia e entra na sala onde já o esperam dirigentes de várias unidades daquela força de segurança.

Estamos numa das divisões do Centro de Comando e Controlo Estratégico (CCCE), no coração do quartel-general da PSP, em Lisboa, uma espécie de big brother que acompanha, em tempo real, todas as situações de suspeita de crime que vão sendo registadas nos comandos de todo o país. Funciona 24 horas por dia e está ligado com os centros de operações de GNR, Polícia Judiciária (PJ), Proteção Civil e INEM.

Ler mais

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG