Premium 21 portugueses deportados do Canadá e 22 com ordem de expulsão

O Canadá deportou 21 portugueses neste ano e outros 22 aguardam a expulsão, o que aponta para um aumento de deportações de emigrantes comparativamente a 2018, 101 no total. Os Correia foram uma das famílias obrigadas a regressar.

Rute, 39 anos, Hernâni, 43, e o filho, Pedro, de 21, regressaram a Lisboa no dia 5 de janeiro, a primeira vez depois de emigrarem, em 2011. Receberam a ordem de deportação em outubro, mas esperavam ter sucesso nos recursos para conseguirem residência legal. Não aconteceu e tiveram de meter oito anos numa mala, fechar as portas de casa, pedir aos amigos para tratar do resto e darem um olho pelo carro.

Hernâni foi o primeiro a emigrar, com um contrato de trabalho, a Rute e o filho foram depois, ela encontrou emprego numa padaria alemã onde ainda trabalhava, o rapaz foi para a escola. Trabalhavam e pagavam todas as contribuições legais, o que não foi suficiente para as autoridades lhes atribuírem uma autorização de residência. São considerados irregulares e, por isso, deportados.

Ler mais

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG