Pastel do Diabo. Receita do chef Tiago Lima Cruz para fazer em casa

O chef Tiago Lima Cruz preparou a receita de um Pastel do Diabo para os leitores do Diário de Notícias fazerem em casa.

Tiago Lima Cruz entrou para cozinha em março de 2013. Logo aí percebeu o percurso escolhido anteriormente, cursar finanças no ISEG, tinha sido um erro.

Com 24 anos, o que muitos consideram ser tardio para começar a vida de cozinheiro, fez estágios de verão entre o período de férias, no Dom Pedro Hotel com o chef Gil Martins. Seguiu-se o Assinatura, com o chef João Sá, onde passou quatro meses. Curso de cozinheiro terminado na Escola de Turismo de Lisboa, estágio no Feitoria, do Altis Belém, com o chef João Rodrigues. Seis meses de muita aprendizagem, diz Tiago.


Seguiram-se três meses no Alexandre Silva, no Mercado da Ribeira. Depois um ano no Lekker by MJ, com o chef Pedro Bandeira Abril, onde adquiriu a maior parte das apetências para gerir um negócio.

Depois partiu para Nova Iorque, EUA, em busca da "Meca" dos cozinheiros. E foi aí que apesar da "experiência ótima" percebeu que aquilo que o caracterizava era a comida de conforto. Voltou para Lisboa e trabalhou no restaurante Bastardo com o chef David Jesus, passou pelo Nogueiras e assentou na Taberna Sal Grosso.

Depois do lockdown decidiu sair da empresa por ter uma visão diferente. Neste momento, realiza eventos.

Tiago Lima Cruz, que faz parte do coletivo de cozinheiro New Kids On The Block, partilha com os leitores do DN a sua receita de Pastel do Diabo para fazer em casa.

Ingredientes

1 cabeça de alho
1 cebola
1 embalagem de polpa de tomate
250 gramas de atum fresco
250 gramas de farinha de milho
5 malaguetas
500 gramas de batata doce cozida
Vinho branco q.b.

Preparação

- Cozer a batata doce com sal. Escorrer, retirar a pele, deixar arrefecer e esmagar ou passar no passe-vite. Adicionar farinha até ficar com consistência boa para trabalhar;

- Cortar o atum em pedaços pequenos;

- Picar a cebola e o alho;

- Colocar azeite num tacho, fritar o alho, depois adicionar a cebola deixar alourar;

-Adicionar o atum;

- Adicionar o vinho branco;

- Deixar o álcool evaporar;

- Adicionar polpa de tomate;

- Deixar cozinhar o atum:

- Arrefecer e reservar;

- Com o aparelho da batata doce. Fazer pequenas bolas do tamanho de uma mão. Esticar película sobre a bancada. Com o pano molhado e o rolo da massa, esticar a massa. cortar a massa com um aro;

- Rechear com o aparelho do atum! Com um dos lados da película fechar a massa como se fosse um rissol;

- Fritar em óleo quente.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG