Taxa de juro implícita no crédito a habitação sobe, mas pouco

Entre junho e junho, a taxa de juro implícita no conjunto dos contratos aumentou 0,2 pontos, para 1,009%.

As taxas de juro implícitas no crédito à habitação voltaram a subir em julho depois de um período de quase três anos de pausa. Esta subida, no entanto, foi muito ligeira fixando a taxa em 1,009%. O valor da prestação média vencida também aumentou.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG