TAP só vai voar para 15 destinos. 75 ficam de fora

A redução no número de voos será "temporária" e tem efeitos a partir de 23 de março e até 19 de abril de 2020.

Devido às restrições que muitos países estão a impor por causa da pandemia de covid 19, a TAP só vai voar para 15 dos 90 destinos habituais. De fora ficam 75 destinos, como se lê numa nota publicada esta quinta-feira no site da CMVM.

A redução no número de voos será "temporária" e tem efeitos a partir de 23 de março e até 19 de abril de 2020.

No entanto, esta decisão, informa a empresa, pode ser revista a qualquer momento, "sempre que as circunstâncias assim o exijam".

"A decisão em causa é tomada em resultado das restrições impostas pelos vários Estados das geografias em que a TAP opera", justifica, restrições estas que, "combinadas com a acentuada queda da procura, têm vindo a gerar sucessivos cancelamentos de voos e suspensões de rotas".

A TAP indica que houve uma redução do volume global de tráfego aéreo nas últimas semanas.

Mais informações no site da TAP - aqui.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG