O miúdo que fingia ser trapalhão foi eleito o melhor jogador do Calcio

Jovem avançado português com época de sonho em Itália. Campeão e melhor jogador do campeonato transalpino aos 22 anos.

DN
© EPA/ELISABETTA BARACCHI

Rafael Leão foi eleito o melhor jogador da Série A do Calcio da época 2021-22. A distinção individual chegou minutos depois de se sagrar campeão italiano pelo AC Milan, clube que voltou a festejar um título 11 anos depois. O rapaz de sorriso de orelha a orelha, que ri ao marcar golos, terminou a época como melhor marcador dos milaneses (a par do francês Oliver Giroud) e conquistou o primeiro título da carreira. O português não conteve a emoção durante os festejos.

Rafael tem apenas 22 anos de idade e um talento já avaliado em 100 milhões de euros. É jogador desde os quatro. Foi nessa altura que o pai viu algum potencial no filho e tratou de o levar para o Sporting antes dele fazer nove anos e depois de fintar o interesse do Benfica quando o filho jogava na Associação Foot 21, uma organização sem fins lucrativos. "Ele fingia que era trapalhão e fazia de conta que não era nada com ele, aparentando uma linguagem corporal demasiado descontraída. Mas de repente arrancava por ali fora, apanhava os defesas desprevenidos e marcava golo. Os adversários ficavam estupefactos sem perceberem o que aconteceu", contou ao DN, Pedro Gonçalves, o antigo treinador dele no Sporting e hoje selecionador de Angola.

Foi na Academia que se fez jogador e chegou à equipa principal dos leões na época 2017-18. Estreou-se com Jorge Jesus, que não poupou nos elogios: "O Rafael Leão faz-me lembrar o Jordão, por ser desconcertante e forte no um para um. É um grande talento da Academia." O jogador acabaria por rescindir contrato, depois do ataque à Academia - processo ainda decorre nos tribunais, mas Leão já foi condenado e indemnizar o Sporting - e assinar pelo Lille (França).

Um ano depois mudou-se para Milão. Continuou a crescer, desta vez ao lado de Ibrahimovic e acabou campeão e melhor jogador do campeonato. Títulos que prometem encarecer o valor do passe do internacional português, que segundo a Imprensa italiana, está avaliado em 100 milhões de euros. Era falado para o lugar de Mbappé no PSG, mas com a renovação do francês essa foi uma porta que se fechou... deixando a do Real Madrid aberta.

A bola não é o único instrumento a seduzir Leão. Em setembro de 2020 aproveitou a paragem no campeonato italiano por causa da pandemia para se juntar aos amigos e vizinhos do bairro da Jamaica, onde cresceu e onde em dezembro organizou um torneio solidário entre bairros sociais, para dar vida ao grupo BGang e participar no single Longe. O isolamento acabou por o empurrar para o estúdio e gravar um álbum a solo - Beginning.

A Liga italiana informou da atribuição do troféu de melhor jogador, após o jogo da última jornada com o Sassuolo, ao avançado português, que fechou a época com 11 golos e 10 assistências - três delas no jogo deste domingo que consagrou os rossoneri (3-0, frente Sassuolo). Luigi De Siervo enalteceu as características de Leão, "um símbolo do AC Milan campeão" e um futebolista "imprevisível, na força atlética e velocidade, que o tornam um jogador de topo".

A Liga nomeou ainda Maignan (AC Milan) como melhor guarda-redes da época 2021-22, Stefano Pioli (AC Milan) o treinador e Brozovic (Inter) o melhor médio. Outros premiados foram o defesa Gleison Bremer (Torino) e o internacional italiano Ciro Immobile, eleito o melhor avançado e que terminou a época como melhor marcador, com 26 golos, mais dois do que Dusan Vlahovic (Fiorentina/Juventus).