Camila Cabello e Childish Gambino são os grandes vencedores nos MTV Video Music Awards​​​​​​​

"Não consigo acreditar que isto é para mim", disse Cabello, que saiu das Fifth Harmony em 2016 para se lançar numa carreira a solo

Camila Cabello bateu os pesos pesados da indústria musical norte-americana, como Beyoncé, Bruno Mars e Drake, e levou para casa dois dos principais prémios dos MTV Video Music Awards (VMAs), esta segunda-feira à noite, em Nova Iorque.

Outro dos vencedores da noite foi Childish Gambino, o alter ego musical do ator ator Donald Glover, que ganhou três prémios para o seu vídeo "This Is America".

A cantora Aretha Franklin, que morreu na semana passada, foi lembrada por Madonna, que subiu a palco para recordar como cantar "You Make Me Feel (Like a Natural Woman)" numa audição mudou a sua vida. "Ela levou-me até onde eu estou hoje e sei que ela influenciou muitas pessoas nesta sala", afirmou a rainha da pop.

Ao todo, Aretha Franklin arrecadou 18 Grammys e mais de 75 milhões de discos vendidos ao longo de uma carreira em que se tornou na primeira mulher a entrar para o Rock and Roll Hall of Fame, em 1987.

Cabello, de 21 anos, ganhou o prémio de Artista do Ano e de Vídeo do Ano por "Havana", enquanto Cardi B afirmou-se como Artista Revelação e ganhou a distinção de Canção do verão pelo êxito "I Like It" - a rapper de 25 anos não conseguiu, no entanto, "capitalizar" as 10 nomeações que tinha.

"Não consigo acreditar que isto é para mim", disse Cabello, a artista norte-americana de origem cubana que saiu das Fifth Harmony em 2016 para se lançar numa carreira a solo.

O muito falado vídeo de Beyoncé e Jay-Z para a canção "APES**T", gravado no Museu do Louvre, em Paris, veceu apenas dois prémios dos oito para os quais estava nomeado.

O debate sobre a imigração também esteve presente nos MTV Video Music Awards, quando um 'muro humano' lançou uma crítica à política do Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump: mais de 25 crianças, com os pais, subiram ao palco, vestidas com camisolas brancas em que se podia ler: "Somos Todos Seres Humanos".

Vídeo do ano
"Havana," Camila Cabello

Artista do Ano
Camila Cabello

Canção do ano
"Rockstar," Post Malone, 21 Savage

Artista Revelação
Cardi B

Melhor colaboração
"Dinero," Jennifer Lopez, DJ Khaled, Cardi B

Melhor - Hip-hop
"Chun-Li," Nicki Minaj

Melhor - Dança
"Lonely Together," Avicii, Rita Ora

Melhor - Pop
"No Tears Left to Cry," Ariana Grande

Canção do Verão
"I Like It," Cardi B, J Balvin, Bad Bunny

Melhor Vídeo com mensagem
"This is America," Childish Gambino

Prémio Michael Jackson de Vanguarda
Jennifer Lopez

Com Reuters

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG