Voo especial traz 4 toneladas de ajuda a Portugal e repatria 160 cidadãos chineses

O avião da Beijing Capital Airlines trouxe 4 toneladas de ajuda humanitária para Portugal e regressou com 160 cidadãos chineses que foram repatriados. chegou ao fim da manhã de domingo e partiu perto das 16.00

O avião chinês que transportou a ajuda humanitária para Portugal já partiu para a China, perto das 16.00, depois de ter deixado a carga no aeroporto de Lisboa e ter embarcado cerca de 160 passageiros com destino a Pequim.

Foram quatro toneladas de material que o avião da Beijing Capital Airlines deixou em Lisboa, alegadamente equipamentos, luvas máscaras e outros meios para prevenir do contágio do covid-19.

O avião que veio vazio, apenas com a carga destinada a Portugal, regressou com 160 cidadãos da China que mostraram vontade em voltar ao seu país.

O voo da Beijing Capital Airlines faz parte da carreira regular que até há poucos dias era feito duas vezes por semana, ligando Pequim e Lisboa, e que foram entretanto cancelados. Por razões humanitárias, este voo até há pouco regular foi autorizado a realizar-se de novo.

O objetivo era o repatriamento por razões humanitárias dos passageiros daquele país que aguardavam poder voltar à China e que ao fim da manhã fizeram o check-in, de posse de muita bagagem.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG