Rocha com 70 quilos de ouro descoberta na Austrália

Estima-se que o valor do minério ascenda aos três milhões de dólares (mais de 2,6 milhões de euros)

Uma empresa canadiana dedicada à extração de minério encontrou no oeste da Austrália duas rochas de quartzo com grandes quantidades de ouro que juntas valem 10,7 milhões de dólares, o equivalente a 8,6 milhões de euros.

Segundo a empresa RNC Minerals, uma das pedras pesa 95 quilos e contém 70 de ouro, enquanto a outra pesa 63 quilos e tem 46 de ouro.

Só a rocha com 70 quilos de ouro vale três milhões de dólares isto é, mais de 2,6 milhões de euros.

De acordo com um comunicado da empresa, citado pela Business Insider ,a extração das duas pedras demorou cerca de uma semana, mas permitiu ter um retorno de 262 quilos de ouro "de alta qualidade", o que, segundo o CEO da empresa, Mark Selby, realça a importância da descoberta.

"Esta descoberta destaca o potencial de ouro de alta qualidade da mina de Beta Hunt", disse Selby.

A RNC é uma empresa de recursos minerais que possui vários ativos. Conta com um portefólio de propriedades de produção e exploração de níquel, cobalto e ouro.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Borges

"Likai-vos" uns aos outros

Quem nunca assistiu, num restaurante, por exemplo, a esta cena de estátuas: o pai a dedar num smartphone, a mãe a dedar noutro smartphone e cada um dos filhos pequenos a fazer o mesmo, eventualmente até a mandar mensagens uns aos outros? É nisto que estamos... Por isso, fiquei muito contente quando, há dias, num jantar em casa de um casal amigo, reparei que, à mesa, está proibido o dedar, porque aí não há telemóvel; às refeições, os miúdos adolescentes falam e contam histórias e estórias, e desabafam, e os pais riem-se com eles, e vão dizendo o que pode ser sumamente útil para a vida de todos... Se há visitas de outros miúdos, são avisados... de que ali os telemóveis ficam à distância...