PJ alerta para mensagem falsa que simula convocação a tribunal

PJ aconselha destinatários de mensagens falsas a "bloquear imediatamente o remetente, reportar o spam e apagar a mensagem, não devendo clicar em links dela constantes ou abrir qualquer anexo remetido".

A Polícia Judiciária alerta para mensagens que "circulam na internet e no correio eletrónico" que "abusivamente usam o logótipo da Polícia Judiciária e de outras instituições ligadas à justiça, simulando uma pretensa convocação" a tribunal.

Numa nota enviada às redações, a Unidade Nacional de Combate ao Cibercrime e à Criminalidade Tecnológica (UNC3T) esclarece que a "mensagem é falsa" e "constitui, ela sim, uma quebra de segurança para os utilizadores da Internet e correio eletrónico".

"Aconselham-se os destinatários deste email fraudulento a não executar os comandos que a mensagem proponha, a bloquear imediatamente o remetente, a reportar o spam e a apagar a mensagem, não devendo clicar em links dela constantes ou abrir qualquer anexo remetido com este tipo de emails sob pena de comprometer a segurança do seu equipamento e dos seus dados pessoais", indica o comunicado.

A PJ está a procurar "identificar a origem e autoria deste tipo de mensagens".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG