Na quarta-feira bateu-se mais um recorde de testes realizados: 249.834

Dos quase 250 mil testes realizados na quarta-feira passa 5% deram resultado positivo, revela o Instituto Ricardo Jorge.

Portugal atingiu, na quarta-feira passada, um novo máximo de testagem diária, com 249.834 testes realizados, indica em comunicado o Instituto Ricardo Jorge. Da totalidade de testes, 5% deram resultado positivo.

A maioria desses testes, 186.136 (o que corresponde a 74,5%) foram testes rápidos de antigénio (TRAg) de uso profissional, realizados na rede de laboratórios e farmácias.

O anterior máximo de testagem diário tinha sido alcançado na passada sexta-feira, dia 17, com mais de 227 mil testes.

Desde o início da pandemia, já foram efetuados em Portugal perto de 24,5 milhões de testes de diagnóstico à covid-19, sem contabilizar os autotestes.

Segundo o mesmo comunicado, entre 1 e 22 de dezembro, realizaram-se mais de 3 milhões de testes à covid-19, incluindo mais de 2,1 milhões TRAg de uso profissional, um valor que está relacionado com medidas anunciadas a 27 de novembro, nas quais se inclui a necessidade de apresentação de teste negativo para SARS-CoV-2 no acesso a determinados serviços ou locais, bem como o aumento de pontos de testagem em todo o país.

Quanto à sua tipologia, já foram realizados em Portugal, desde o início da pandemia, cerca de 16,1 milhões testes RT-PCR e 8,4 milhões TRAg de uso profissional, efetuados nos laboratórios e farmácias aderentes ao regime excecional de comparticipação. Cada utente pode realizar até seis testes gratuitos por mês até 31 de dezembro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG