Robot com Inteligência Artificial já atende pacientes em ambulatório

Designado por "Doutor Assistente IA" e desenvolvido pela firma chinesa iFlytek, tem um aspeto humanoide com grandes olhos azuis e um sorriso permanente

Um robot dotado com Inteligência Artificial (IA), que lhe permite diagnosticar pacientes e passar-lhes receitas, começou a operar num ambulatório da província chinesa de Anhui, leste da China, noticiou esta segunda-feira a agência oficial Xinhua.

Designado "Doutor Assistente IA" e desenvolvido pela firma chinesa iFlytek, o robot tem um aspeto humanoide, com grandes olhos azuis e um sorriso permanente.

O sistema baseia-se nos diagnósticos e receitas de outros médicos, armazenados na sua memória.

No ano passado, aquele robot converteu-se no primeiro do mundo a passar os exames para obter a licença para exercer medicina.

Numa fase inicial, os diagnósticos do robot terão que ser confirmados por um médico humano, detalha a Xinhua.

A China é um dos países líderes na investigação de IA e robótica.

Os robots são utilizados na China já em várias áreas, incluindo redação de notícias ou no cuidado de crianças e idosos.

Exclusivos

Premium

Líderes europeus

As divisões da Europa 30 anos após o fim da Cortina de Ferro

Angela Merkel reuniu-se com Viktor Orbán, Emmanuel Macron com Vladimir Putin. Nos próximos dias, um e outro receberão Boris Johnson. E Matteo Salvini tenta assalto ao poder, enquanto alimenta a crise do navio da ONG Open Arms, com 107 migrantes a bordo, com a Espanha de Pedro Sánchez. No meio disto tudo prepara-se a cimeira do G7 em Biarritz. E assinala-se os 30 anos do princípio do fim da Cortina de Ferro.