Autoridades resgatam corpo de homem suspeito de matar mulher e filho de 10 anos no Funchal

Corpo do homem foi resgatado de uma falésia na zona leste da Madeira

O corpo do homem suspeito do duplo homicídio da mulher e do filho de dez anos, crime ocorrido hoje no Funchal, foi resgatado de uma falésia na zona leste da Madeira, indicou fonte da Polícia Judiciária (PJ).

O indivíduo, de 48 anos, terá matado o filho e a mulher, com idade também faixa etária dos 40 anos, com recurso a uma arma branca, esta manhã, num apartamento na área da Casa Branca, zona oeste do Funchal, após o que se pôs em fuga num automóvel.

A viatura foi depois localizada junto a um miradouro na Ponta de São Lourenço, freguesia do Caniçal, no extremo leste da ilha, onde, numa escarpa sobre o mar, foi avistado um corpo.

A Polícia Judiciária confirmou à Lusa que se trata do suspeito do duplo homicídio, que terá ocorrido num quadro de violência doméstica.

Por outro lado, fonte dos Bombeiros Municipais de Machico, concelho a que pertence a freguesia do Caniçal, indicou que o corpo foi retirado da falésia cerca das 19:00, após uma operação que envolveu também a Polícia Marítima, o Instituto de Socorros a Náufragos e a GNR.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG