Campus da Justiça pode acabar

Renda mensal custa um milhão de euros. E a ministra ainda não sabe quem é o novo proprietário do Campus da Justiça

Francisca Van Dunem admitiu não dispor ainda da informação de quem é o novo proprietário do Campus da Justiça, que recebe uma renda mensal superior a um milhão de euros do Ministério da Justiça, assegurando que está a ser feita uma avaliação de todos os "equipamentos da justiça", não excluindo a possibilidade de, relativamente ao Campus, arranjar uma "solução mais duradoura e amigável do ponto de vista financeiro".

A titular da pasta da Justiça exclui contudo a possibilidade de transferir os tribunais do Campus da Justiça para o Palácio da Justiça, em Lisboa, por manifesta falta de espaço para o efeito.

A propriedade Campus da Justiça mudou de mãos, deixando a Caixa Geral de depósitos de fazer parte dos acionistas/proprietários do imóvel.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG