Parlamento quer ouvir ministro da Defesa e chefe dos serviços secretos

Comissão de Defesa quer ouvir o ministro da Defesa e o responsável pelos serviços secretos.

O PSD vai chamar o ministro da Defesa à comissão parlamentar de Defesa para o ouvir sobre a ajuda militar de Portugal à França, no quadro da luta antiterrorista, soube o DN junto de fontes parlamentares.

O PS, por sua vez, pediu para ouvir o secretário-geral do Sistema de Informações da República Portuguesa (SIRP), Júlio Pereira, adiantaram as fontes.

Os pedidos de audição surgem na sequência dos atentados terroristas em Paris na passada sexta-feira, dia 13, que levaram a França a invocar a cláusula de defesa comum do Tratado da UE e a requerer a revisão do Acordo de Schengen, para permitir um controlo sistemático dos cidadãos europeus nas fronteiras.

No âmbito do reforço das medidas contra o terrorismo, a reunião extraordinária desta sexta-feira dos ministros da Justiça e dos Assuntos Internos da UE aprovou o reforço imediato do controlo de todos os viajantes - incluindo da União - nas fronteiras externas do espaço Schengen, disseram fontes europeias citadas pelas agências internacionais.

O ministro francês do Interior, Bernard Cazeneuve, disse no final que a Comissão Europeia vai apresentar, até ao final do ano, uma proposta de revisão das regras do espaço Schengen de livre circulação reforçar o controlo das fronteiras externas - a qual é indispensável para a segurança dos cidadãos".

Exclusivos